Dicas Radiosul

O dia dos namorados já é amanhã e não dá pra negar que essa é uma data pra lá de especial. Mas você já parou pra pensar que sua saúde bucal pode atrapalhar essa comemoração? Um sorriso bonito é essencial na hora da conquista, porém, existem alguns problemas que podem ser um empecilho. Entre eles podemos destacar o mau hálito, a cárie dental, inflamação gengival ou mesmo a ocorrência de feridinhas na boca. Para você curtir essa data amorosa de maneira tranquila e saudável, que tal esclarecer algumas dúvidas?

A maior parte dos adultos saudáveis tem de 28 a 32 dentes na arcada, dos quais 12 são molares, oito são pré-molares, oito são incisivos e quatro são caninos. Em todo caso, a dentição é muito importante para manter as funções bucais. No entanto, existem condições, como o dente canino incluso, que podem prejudicar a saúde oral.

Pensando nisso, este conteúdo explicará do que se trata esse problema, quais são as principais complicações associadas ao dente canino incluso, como ele pode ser tratado e de que forma o cirurgião-dentista pode ajudar. Continue a leitura e saiba mais!

A radiografia é um exame essencial para a Odontologia. Suas inúmeras técnicas permitem a observação de objetos dentários e patologias distintas, cada uma privilegia um tipo diferente. Uma das mais usadas pelos profissionais é a radiografia interproximal, que proporciona uma visualização nítida de dentes posteriores.

Você costuma utilizar essa técnica em seus atendimentos? No post de hoje, vamos saber o que é radiografia interproximal, qual a sua finalidade e a melhor maneira de fazê-la. Confira!

Neste ano, o Carnaval está sendo um pouco diferente. Isso porque, mesmo com o festejado início da vacinação, ainda estamos em plena pandemia. Logo, não podemos arriscar participar de blocos, desfiles ou grandes festas. Porém, isso não significa que a diversão precise ser deixada de lado, não é mesmo? Afinal, é possível fazer uma boa folia de Carnaval em casa, com a família, no conforto do lar.

Pensando nisso, no post de hoje, separamos algumas ideias de como você pode preparar a sua própria festa temática. São dicas de decoração, entretenimento e até de cuidados básicos com a saúde durante este período. Então confira nosso conteúdo e se prepare para a folia!

O exame de raio x data do ano de 1895 pode ser considerado uma revolução na história dos diagnósticos auxiliares à medicina. Precursor dos exames de imagens, foi por intermédio dele que passou a ser possível estudar e identificar lesões no corpo humano antes de intervenções cirúrgicas. Graças a ele aliás, muitas delas passaram a ser evitadas, pois descobriu-se serem desnecessárias, bastando a aplicação do tratamento conservador.

Com o passar dos anos, o procedimento foi evoluindo, embora ainda sendo realizado da mesma forma desde a sua descoberta, algo parecido como uma fotografia das partes internas do corpo. A evolução tecnológica foi consideravelmente acelerada ao longo da segunda metade do século XX e, com isso, a radiografia passou também a ser realizada de maneira digital.

No início do ano, muitas pessoas fazem os exames periódicos e colocam tudo em dia para recomeçar com força total. Um erro bastante comum entre os brasileiros, entretanto, é não dar ao check-up odontológico o mesmo valor que se dá ao eletrocardiograma, à mamografia ou aos exames de sangue por exemplo.

Essa negligência é grave porque não só pode afetar a saúde bucal como também provocar sérios problemas sistêmicos. Pensando nisso, produzimos este conteúdo para explicar qual a importância do check-up odontológico, quando saber que é hora de visitar o dentista e como você pode se beneficiar desse cuidado. Acompanhe!

Você tem o hábito de utilizar o fio dental com frequência? Se não, deveria passar a adotá-lo. O produto é essencial para auxiliar a limpeza dos dentes ao eliminar partículas de alimentos e bactérias, de forma a contribuir com a saúde bucal. Por falar no assunto, você sabe quais são os tipos de fio dental?

Antes de falar sobre eles, é preciso esclarecer que o fio alcança locais nos quais a escova não chega. Por esse motivo, evita o aparecimento de doenças como mau hálito, placa bacteriana, cárie, gengivite e periodontite. Não é à toa que esse item de higiene deve ser usado sempre após as refeições.

O fato é que, devido à correria do dia a dia, muitas pessoas não o utilizam. A recomendação dos dentistas é não deixar de passar o fio dental principalmente antes de dormir. É que durante o sono produzimos menos saliva, o que contribui para a proliferação de bactérias causadoras das indesejadas doenças bucais.

Neste post, vamos mostrar quais são os principais tipos de fio dental oferecidos pelo mercado, suas características e como utilizá-los. Acompanhe!

Quantas vezes você já foi ao mercado e ao parar no setor de higiene oral, pensou: “Nossa, quantos tipos de pasta de dente! Tem essa em creme dental, tem essa em gel dental. Não sei a diferença e muito menos, como escolher um creme dental para dentes sensíveis.

Explicaremos tudo nesse conteúdo, que servirá para que você tenha noções básicas da fórmula utilizada nas pastas de dente disponíveis no mercado e assim consiga escolher o melhor creme dental para seus dentes sensíveis.

Vamos lá?

Já faz um bom tempo que você está insatisfeito com o seu sorriso? Não se desespere: muitas pessoas têm problema no alinhamento dos dentes e isso pode ser solucionado com a ajuda de um ortodontista.

Cada vez mais, as pessoas buscam alternativas para deixar o sorriso mais bonito. Além disso, cuidar do alinhamento dentário é algo que traz benefícios também para a saúde. Conhecer, no entanto, a importância e os passos desse tipo de procedimento é algo muito importante.

Entenda como a instalação do aparelho depende do exame clínico e por que ela inclui também o alinhamento, a correção, as visitas regulares ao dentista e, finalmente, a conclusão do processo com a contenção. Neste conteúdo, descubra o que é, para que serve e quais são as etapas do tratamento com aparelho ortodôntico. Confira!

A ficha clínica odontológica é um documento extremamente importante que deve constar todas as informações do paciente.

Além de oferecer um orçamento sobre os serviços que serão executados, a ficha também funciona como prova em caso de eventuais processos cíveis, penais, éticos e identificação em casos de morte.

Por isso, é indispensável que o dentista saiba exatamente como preencher esse documento, de que forma arquivá-lo, entre tantas outras questões.

Você também tem dúvidas sobre a ficha clínica odontológica? Continue a leitura confira o guia completo e tire suas dúvidas!