Author: Kiara Serafini Costa

O dia dos namorados já é amanhã e não dá pra negar que essa é uma data pra lá de especial. Mas você já parou pra pensar que sua saúde bucal pode atrapalhar essa comemoração? Um sorriso bonito é essencial na hora da conquista, porém, existem alguns problemas que podem ser um empecilho. Entre eles podemos destacar o mau hálito, a cárie dental, inflamação gengival ou mesmo a ocorrência de feridinhas na boca. Para você curtir essa data amorosa de maneira tranquila e saudável, que tal esclarecer algumas dúvidas?

A maior parte dos adultos saudáveis tem de 28 a 32 dentes na arcada, dos quais 12 são molares, oito são pré-molares, oito são incisivos e quatro são caninos. Em todo caso, a dentição é muito importante para manter as funções bucais. No entanto, existem condições, como o dente canino incluso, que podem prejudicar a saúde oral.

Pensando nisso, este conteúdo explicará do que se trata esse problema, quais são as principais complicações associadas ao dente canino incluso, como ele pode ser tratado e de que forma o cirurgião-dentista pode ajudar. Continue a leitura e saiba mais!

As Radiografias são essenciais para a realização de diagnósticos odontológicos mais complexos, porém, durante muito tempo, as chapas radiográficas foram uma ameaça para o meio ambiente.

Diversos componentes químicos são utilizados na revelação das radiografias, como hidroquinona, carbonato de sódio, bissulfito de sódio, tiossulfato de amônio e sulfato de sódio. Além disto, a chapa é produzida em um material plástico chamado acetato, que gera riscos ao meio ambiente e pode demorar até cem anos para se decompor.

Hoje 31 de Maio é considerado o Dia Mundial de Combate ao Fumo e os Cirurgiões-dentistas têm um importante papel na divulgação de informações que combatam este vício e na prevenção de seus pacientes. Isso porque o hábito de fumar não apenas gera distúrbios como a placa bacteriana ou a halitose, como também pode causar uma das doenças mais graves relacionada ao ato de fumar: o Câncer Bucal.

O sorriso é uma característica única em cada pessoa e ele é um cartão de visitas e tanto. Muitas vezes acaba sendo o que as pessoas mais lembram de você, seja pelos dentes super brancos, seja pelo aparelho ou seja pelo diastema.

Tem gente que ama e tem gente que não é muito fã. Mas, afinal, esse espacinho entre os dentes é um charme ou ele pode acarretar algum tipo de problema para sua saúde bucal? Será que é preciso tratar? O que causa? Nós te contamos tudo aqui, continue a leitura e confira!

Essa é uma pergunta muito comum nas consultas iniciais ou de rotina e prevenção na odontologia. Vale a pena ressaltar que muitas patologias nos dentes e nos tecidos ao redor dos dentes não podem ser vistos em um simples exame clínico.

Existem vários tipos de radiografias dentárias que são realizadas rotineiramente para ver diferentes partes dos dentes e maxilares.

Durante a gravidez, surgem muitas preocupações relacionadas à evolução da gestação, à saúde do bebê e ao momento do parto. Apesar disso, é muito importante que a mulher não se descuide da saúde bucal nesse momento, garantindo não só um sorriso bonito como também uma gestação mais tranquila e saudável.

Quer descobrir mais sobre a relação entre doenças bucais e gestação, como cuidar da sua saúde bucal ao longo dos 9 meses e quando os procedimentos podem ser realizados sem colocar o bebê em risco? Confira!

Muitas vezes o paciente é solicitado, pelo dentista, a realizar exames radiológicos antes, durante e depois de determinados tratamentos odontológicos. Esses exames são muito importantes para fazer um correto diagnóstico e para planejar e acompanhar o tratamento. Os principais exames radiológicos na Odontologia são a radiografia panorâmica e a tomografia computadorizada. Mas você sabe qual é a diferença entre elas?

O dia a dia está cheio de boas surpresas e imprevistos que podem envolver alguns acidentes e descuidos, causando a queda de dentes. Mas calma, nem tudo está perdido! Hoje, com os avanços da odontologia e das tecnologias de saúde para a realização de implantes dentários, é possível restaurar a beleza do sorriso com relativa rapidez e muitos benefícios.

O problema é que, como qualquer procedimento cirúrgico, esse tratamento está cercado de mitos que podem causar apreensão e prejudicar a tomada de decisão dos pacientes. Pensando nisso, reunimos alguns mitos e verdades sobre implantes dentários. Confira, a seguir!